Resenha: Amor Sem Limites - Abbi Glines

| 0 comentários

FOREVER TOO FAR

Série Sem Limites, Livro 3 | Rosemary Beach, Livro 3

Autora: Abbi Glines | Editora: Arqueiro

Ele prometeu que seria para sempre... Mas as promessas podem ser quebradas.
Dividido entre o amor por sua família e seu amor por Blaire, Rush tem que encontrar uma maneira de salvar um sem perder o outro. No final, um irá sobrepor ao outro. Deixar ir não é fácil.
Blaire acreditava em seu conto de fadas... Mas ninguém pode viver em uma fantasia.
Seu amor por Rush e o desejo de ter uma família a faz acreditar que podem encontrar uma maneira para que isso funcione. Até que ela tem que tomar a decisão certa tanto para ela como para o bebê. Mesmo que quebre seu coração.
Eles poderão encontrar o para sempre que tanto sonham ou tudo está.... Longe demais?
=== Resenha ===

Depois de todo o sofrimento que nós, leitores, passamos juntamente com Blair e Rush no livro anterior, eu pensei que Abbi poderia facilitar a vida deles, deixando as brigas mais amenas, sem separação momentânea, sem lágrimas... Mas me enganei. De qualquer forma um livro onde tem apenas amor e alegria seria bem chato, de vez em quando é bom uma agitaçãozinha, um apertinho no coração quando você acha que os personagens principais vão se separar... O melhor é ver quando eles se reconciliam, sem são cenas lindas de declaração de amor que me fazem perder o fôlego, me fazem desejar um dia ter um amor tão lindo quando este. Ok, ok, vamos parando por aqui que eu já estou ficando melosa de mais.

- # -

Finalmente Blair e Rush superaram tudo o que aconteceu no livro anterior, assim como eu senti um amadurecimento no relacionamento deles, claro que Rush ainda continua super protetor e ciumento quanto a sua noiva, se isto não acontecesse ele não seria Rush Finlay, mas ambos estão aos poucos conseguindo lhe dar com esse fato, porém Blair ainda continua um pouco insegura quanto a prioridade de Rush e isto apenas aumenta quando o Dean Finlay, pai de Rush, aparece em Rosemary, para pedir que o filho vá a L.A tentar controlar Nan, ao qual está enlouquecendo Kiro, o vocalista da banda e o real pai da garota. Ela está tentando obter alguma atenção dele, porém de forma errada, sempre brigando e agindo como uma cadela irritante amargurada, odiando a tudo e a todos, para piorar ainda mais a situação Nan descobre que tem uma irmã que fora criada sempre tendo contado com seu pai, ela é a doce e tímida Harlow.
Rush fica bem relutante quanto a ir, pois havia prometido a Blair que ela sempre viria em primeiro lugar, porém a sua noiva insiste que ele precisava ir, mas ela também iria junto. O que Blair não imaginava era que chegando lá ela e Rush não teriam qualquer tempo e novamente estaria passando por aquela dificuldade de quem estaria em primeiro lugar na vida do homem.
Nós sabemos que Blair está grávida e assim sendo seu estado é bastante delicado. A todo o momento eu fiquei com medo de que todo aquele estresse pudesse fazer com que algo acontecesse ao bebê e por isto foi impossível não odiar ainda mais Nan, além de também me irritar muito com as decisões erradas que Rush tomava mais uma vez.
Eu amei conhecer Dean, nunca imaginei que ele seria um cara tão legal, que seria até mesmo um doce de homem, pois as poucas vezes em que Rush o mencionava dava entender que Dean era aquele rock star que não se importava com nada, que não tinha qualquer coração, mas quem se mostrou assim foi Kiro. Claro que Dean não é nenhum santo, ele cometeu seus erros e ainda comete mais alguns, porém eu senti que conhecer Blair e saber que teria um neto a caminho o fizeram melhor mais.
Eu desejei que Kiro também pudesse ter uma boa mudança por Harlow, mas acho que este ai é incapaz de crescer, o homem pensa apenas em sexo, sexo e sexo, além de ter um ego que chega a irritar. Ele não respeita nem mesmo a presença da filha e transa com as mulheres em qualquer lugar da casa, isso me deixou tremendamente irada e me fez ver que Nan e ele se merecem.

- # -

Eu estava realmente triste que este tenha sido o último livro, ainda não estava preparada para me desapegar ao personagens, ele me cativaram de uma forma que me apaixonei por cada um... Claro, tirando a Nan e a mãe nojentinha do Rush. Enfim, fiquei super feliz quando descobri que existe também um livro onde o personagem principal é o Woods, ele se chama Twisted Perfection.
Quem não se apaixonou pelo sedutor Woods Kerrington? Quando eu comecei a ler “Paixão Sem Limites” achei que teria muita raiva do Woods, que por gostar de Blair ele seria o vilão e tentaria separá-la de Rush, mas fiquei surpresa ao descobri que isto não aconteceria, que o clichê que se repete em vários e vários livros não ocorreria aqui.
Espero que também tenhamos a sorte de ter alguns livros com o enredo voltado para Grant e Harlow, onde a peste da Nan com toda certeza vai aprontar muito, porém espero que essa maldita também sofra bastante, eu realmente não consegui ter pena de sua história em nenhum momento eu esperei que alguma reviravolta acontecesse e a Abbi conseguisse me fazer ter pena dela, mas não... Quanto mais eu a via sofrer e chorar suas falsas lagrimas de crocodilo, mais eu queria que isto acontecesse. Eu cheguei ao ponto de deseja que ela morresse... Ai vocês podem ter uma idéia do meu ódio por essa garota mimada!

https://lh5.googleusercontent.com/-WsKGy4SY_6k/U9RVySnP-BI/AAAAAAAAjTU/JHYo9CphCgo/s296/jessica1.png

0 comentários:

Postar um comentário

O blog Miih e o Mundo Literário agradece pelo comentário.